17/02/2014

Reader’s Digest britânica é vendida por apenas 1 libra

Com dívidas, revista foi comprada pelo investidor Mike Luckwell, que se mostrou interessado na base de dados com mais de 1 milhão de nomes.

Edição online da Reader's Digest britânica.RIO DE JANEIRO (Da Redação), 17 de fevereiro – A edição inglesa da Reader’s Digest, publicação conhecida no Brasil como Seleções, foi vendida pelo grupo Better Capital por apenas 1 libra. Cheia de dívidas, a revista foi comprada por Mike Luckwell, um investidor de risco cuja fortuna está avaliada em mais de 135 milhões de libras.

De acordo com Luckwell, a aquisição lhe dará acesso a uma base de dados de mais de 1,5 milhão de nomes. Destes, somente 9% teriam comprado recentemente algum produto ligado a Reader’s Digest. “Há um significativo potencial para desenvolver e usar essa grande base de dados”, diz o investidor.

A publicação foi a revista mais vendida nos Estados Unidos até no ano de 2008.

Com informações do diário britânico The Guardian.

 

Mario CavalcantiReader’s Digest britânica é vendida por apenas 1 libra