Mario Cavalcanti
por — 18/10/2007 em Notícias

Murdoch fará mudanças radicais no WSJ

Magnata da mídia pretende adicionar mais notícias internacionais no popular diário financeiro

Imagem ilustrativa: a Dow Jones, controladora do Wall Street Journal, foi vendida para a News Corporation em agosto desse ano.O magnata da mídia Rupert Murdoch anunciou recentemente planos drásticos para o diário financeiro Wall Street Journal (WSJ), uma de suas mais recentes grandes aquisições.

Após completar o turbulento processo de compra da Dow Jones (dona do WSJ) por US$ 5 bilhões, Murdoch anunciou que pretende ampliar o noticiário do jornal, tornando-o um concorrente de veículos como o The New York Times.

– Temos um monte de planos e um monte de idéias que precisam ser refinadas (…) Quero melhorar tudo de todas as formas. A começar por finanças. Mas também quero adicionar mais notícias nacionais e internacionais – diz o magnata em conferência nos Estados Unidos.

O dono da News Corporation anunciou ainda que gostaria de aumentar a cobertura de assuntos culturais no jornal a fim de atrair novos anunciantes.

A informação é do Media Guardian. Em inglês, aqui. JW.

Mario CavalcantiMurdoch fará mudanças radicais no WSJ