Mario Cavalcanti
por — 18/04/2007 em Notícias

Google não quer substituir rádio ou TV

Após acordos no setor de publicidade, líder de pesquisas na Web fez pronunciamento para acalmar empresas de mídia eletrônica

Após anunciar dois acordos de grande porte no setor de publicidade, o Google afirmou para empresas de mídia eletrônica convencional – como rádio e televisão – que não pretende invadir seus territórios. Segundo Eric Schmidt, presidente-executivo da companhia, "o Google é um novo fenômeno. Não substitui o rádio ou a televisão".

No último fim de semana, o Google anunciou uma aliança estratégica com a Clear Channel Communications a fim de aumentar sua participação no setor de publicidade em rádio. Alguns dias antes, o líder de pesquisa na Web havia anunciado a aquisição da clássica empresa de publicidade online DoubleClick.

A informação é do Estadão. Na íntegra, aqui.

Mario CavalcantiGoogle não quer substituir rádio ou TV