Tailândia bloqueia acesso a mais de 200 sites. Imagem ilustrativa.
29/05/2014

Tailândia bloqueia acesso a mais de 200 sites

Militares tailandeses, que mantêm uma ditadura no país, censuram 219 sites, aplicativos e páginas de redes sociais, incluindo veículos noticiosos.

O governo tailandês bloqueou o acesso de seus cidadãos a mais de 200 sites, incluindo veículos noticiosos e serviços como Google, Facebook e Twitter, e anunciou que vai implementar um novo plano de vigilância da Internet no qual todo o conteúdo considerado ilegal pelos censores será bloqueado e retirado do ar. Para os militares, que mantêm uma ditadura no país, essas páginas são uma ameaça à segurança nacional.

Há cerca de uma semana, o exército tailandês assumiu o controle da nação, depois de meses de violência e discordância entre governo e oposição. O chefe da força militar destituiu o primeiro ministro, fechou o parlamento e recebeu aprovação da monarquia – que apoia as Forças Armadas – para controlar o país.

Desde o fim da monarquia absoluta, em 1932, a Tailândia já enfrentou 19 golpes militares.

Com informações da BandNews.

Mario CavalcantiTailândia bloqueia acesso a mais de 200 sites