YouTube, Guardian e Telegraph planejam debate online para eleições de 2015 no Reino Unido. Reprodução / YouTube.
16/05/2014

YouTube, Guardian e Telegraph planejam debate online para eleições de 2015 no Reino Unido

Trio quer estreitar laços com audiências mais jovens e argumenta que os verdadeiros debates ocorrem cada vez mais no meio online.

O YouTube se juntou com os diários The Guardian e The Telegraph para fazer a líderes de partidos uma proposta de debate online para as eleições britânicas de 2015. A proposta, com a hashtag #onlinedebate, foi enviada para os principais líderes de partido na quinta-feira (15), após conversas informais com os políticos.

De acordo com o Guardian, a colaboração multiplataforma poderia levar facilmente um debate para a grande maioria dos 55 milhões de usuários de Internet do Reino Unido. A ação também tem por objetivo estreitar os laços com uma audiência mais jovem e mais interativa. As companhias acreditam que um debate transmitido pelo YouTube quebraria o monopólio das empresas de radiodifusão existentes e permitiria formas inovadoras de participação do público.

O trio argumenta ainda que a experiência nos Estados Unidos mostra que os debates estão sendo travados cada vez mais no meio online, em vez de nas tradicionais redes de televisão. Vídeos enviados para o YouTube com as tags Obama ou Romney foram vistos 2,7 bilhões de vezes durante o ciclo eleitoral de 2012.

Via The Guardian, The Telegraph.

Mario CavalcantiYouTube, Guardian e Telegraph planejam debate online para eleições de 2015 no Reino Unido