10/02/2014

Turquia deporta jornalista por publicar tweets criticando o Governo

Mahir Zeynalov, redator do diário turco Today’s Zaman, foi obrigado a deixar o país junto com sua esposa.

Perfil de Mahir Zeynalov no Twitter.

RIO DE JANEIRO (Da Redação), 10 de fevereiro – Mahir Zeynalov, redator do diário turco Today’s Zaman, foi obrigado a abandonar o país após publicar uma série de tweets considerados ofensivos pelo Governo local. De origem azeri, Zeynalov já trabalhava há anos na Turquia para o jornal e inclusive casou-se com uma turca, que também teve que deixar o país.

O exílio do jornalista acontece cerca de um mês após o primeiro ministro turco, Tayyip Erdogan, denunciá-lo por tuitar links de artigos com informações sobre escândalos de corrupções. Tais tweets estariam afetando o governo turco, que acusou o Zeynalov de delito por “exceder os limited da crítica”.

O diário Today’s Zaman publicou uma nota sobre o ocorrido. “Fui difamado, perseguido e deportado na Turquia de Erdogan”, dizia o título do artigo. O perfil de Zeynalov no Twitter possui mais de 86 mil seguidores.

Com informações do 233grados e do New York Times.

Mario CavalcantiTurquia deporta jornalista por publicar tweets criticando o Governo