Mario Cavalcanti
por — 26/10/2011 em Notícias

Usuários de tablets não desejam pagar por notícia

Conclusão é de novo estudo do Pew Research Center realizado nos EUA

DivulgaçãoRIO DE JANEIRO (Da Redação), 26 de outubro – O rápido crescimento dos tablets tem contribuído para com o aumento do consumo de notícias, mas tais dispositivos não estão perto de ser a solução que a indústria de jornais esperava. Isso é o que mostra um novo estudo do Pew Research Center realizado nos Estados Unidos em conjunto com o The Economist Group.

Dezoito meses após a introdução do iPad, 11% dos adultos nos Estados Unidos já possuem algum tipo de tablet. Cerca da metade (53%) consome notícias por esses aparelhos diariamente e lêem tanto matérias longas, quanto manchetes. Entretanto, de acordo com o levantamento, a grande maioria diz que não está disposta a pagar por conteúdo noticioso nos dispositivos.

Do total dos entrevistados, 21% dissseram que estariam disposto a pagar US$ 5 por mês se esta fosse a única maneira de acessar seus veículos favoritos no tablet. A pesquisa concluiu ainda que 77% usam tablets diariamente, e que eles gastam uma média de 90 minutos nos aparelhos. JW.

Mario CavalcantiUsuários de tablets não desejam pagar por notícia