Mario Cavalcanti
por — 11/10/2011 em Notícias

New Yorker faz bom uso de seu arquivo de textos

Revista americana cria edições especiais para iPad a partir de acervo de matérias

DivulgaçãoRIO DE JANEIRO (Da Redação), 11 de outubro – A revista americana The New Yorker tem utilizado o iPad para construir uma nova forma de obter lucros com edições anteriores. A publicação vem explorando seu vasto arquivo de reportagens para gerar conteúdo segmentado, lançando-os posteriormente como edições especiais exclusivamente para o tablet da Apple.

O primeiro trabalho do tipo foi a edição especial “At the ballpark” (“No estádio”), uma coleção de textos sobre beisebol publicados entre 1921 e 2011. O conteúdo foi patrocinado pela United Airlines. Após a edição sobre beisebol, o veículo lançou outras sobre golfe e sustentabilidade, esta última patrocinada pela BMW.

Com as edições especiais, a publicação está não só gerando material histórico, como também lucrando a partir de seu acervo de conteúdo. “Um arquivo denso, de grande qualidade, permite que não exista limite na produção deste tipo de peças”, diz Felix Salmon, blogueiro de finanças da Reuters e colaborador do site Columbia Journalism Review.

Nas vésperas dos dez anos dos atentados terroristas de 11 de setembro, o The New Yorker lançou um e-book que reuniu toda a cobertura feita pela revista na década passada. JW.

Com informações do Columbia Journalism Review.

Mario CavalcantiNew Yorker faz bom uso de seu arquivo de textos