Mario Cavalcanti
por — 06/05/2011 em Notícias

Yudu permite que editoras driblem comissão da Apple

Sistema da empresa britânica permite a venda direta de conteúdo iphone e iPad

DivulgaçãoRIO DE JANEIRO (Da Redação), 6 de maio – A Yudu, empresa britânica de tecnologia digital, lançou na quinta-feira (5) um serviço que permite às editoras evitar a comissão de 30% que é cobrada pela Apple no processamento de vendas de conteúdo para iPhone e iPad feitas através da App Store. A informação é da agência de notícias Reuters.

Atuando no segmento de ferramentas de publicação online e ajudando empresas a adaptarem seus conteúdos para os e-readers, smartphones e tablets, a companhia afirmou que a própria Apple já reconheceu o serviço como adequado a seus termos e condições.

O sistema de assinatura elaborado pela Yudu, que já conta com clientes como o grupo de mídia Haymarket, possibilita que os usuários baixem publicações em dispositivos da Apple por meio da App Store, mesmo quando a compra é feita diretamente com a editora.

A Apple vem impondo novas regras para tentar forças editoras a passarem pela App Store, o que permite a ela ganhar comissões de vendas e obter informações de clientes. A fabricante do iPad chegou a bloquear o aplicativo de livros digitais da Sony porque ele permitia aos usuários ler em seus iPhones livros comprados pela loja da empresa japonesa. JW.

Mario CavalcantiYudu permite que editoras driblem comissão da Apple