Mario Cavalcanti
por — 16/02/2011 em Notícias

Grupo Condé Nast planeja edições para o Android

The New Yorker e Wired ganharão versões para tablets que utilizam a plataforma

DivulgaçãoRIO DE JANEIRO (Da Redação), 16 de fevereiro – A Condé Nast, uma das principais editoras de revistas do mundo, está trabalhando em edições digitais da The New Yorker e da Wired para dispositivos móveis equipados com o sistema Android 3.0, como o tablet Galaxy Tab, da Samsung. Ambas as revistas já possuem edições para o iPad.

Segundo o site mocoNews, outras editoras, como a Time Inc., se dizem satisfeitas com a flexibilidade do sistema operacional do Google, que possibilita um bom gerenciamento de pacotes de assinatura tanto de versões impressas, quanto de digitais. Recentemente, a Time Inc. revelou que as revistas Fortune, People, Sports Illustrated e Time estarão disponíveis no TouchPad, tablet recém-lançado pela HP – e que utiliza o sistema webOS, um possível concorrente do Android.

APPLE APOSTA EM NOVO MODELO DE ASSINATURA DIGITAL

Nesta semana, a Apple lançou um novo serviço de assinatura de conteúdo digital voltado para jornais, revistas, vídeos e músicas adquiridos através de sua loja online App Store. A informação é da agência de notícias Reuters.

No novo modelo, donos de conteúdo, como editores de jornais, podem decidir o preço e a duração da assinatura, mudança muito significativa em relação ao sistema antigo, onde, por exemplo, edições de uma revista eram compradas separadamente, sem a opção de assinatura.

Todos as vendas serão processadas pela Apple, que vai ficar com 30% da receita. Entretanto, a companhia agora permite que os publishers vendam assinaturas digitais em seus sites pelos mesmos preços cobrados na App Store. Dessa forma não há compartilhamento de receita. JW.

Mario CavalcantiGrupo Condé Nast planeja edições para o Android