Mario Cavalcanti
por — 04/03/2008 em Notícias

Live streaming seria o futuro dos vídeos em jornais

Executivo de diário holandês acredita em transmissão noticiosa ao vivo dentro de sites

Divulgação: site do jornal holandês De Telegraaf.Sites de jornais devem considerar o live streaming (transmissão ao vivo de vídeos através de uma rede de computadores) como forma de manter seus conteúdos em forma de vídeo relevantes. é o que pensa Charles de Vroede, um editor sênior do diário holandês Telegraaf.

Para Charles, em jornais online, outro formato de vídeo que não o de transmissão ao vivo poderia perder o imediatismo. O executivo, que fez parte de um painel sobre vídeos de jornais na conferência Digital News Affairs (DNA 2008), disse que a equipe do Telegraaf já está usando câmeras com capacidade de transmissão ao vivo na cobertura de matérias de entretenimento.

– Vídeos online estão se tornando muito velhos rapidamente. Para um jornal em papel isso não é um problema, porque tudo está um dia mais velho. Mas estar na Web como um jornal significa notícias instantâneas e isso vai acontecer com os vídeos. Eu acredito que o futuro esteja na transmissão ao vivo  – disse Charles.

Entretanto, outro participante da conferência, Baz Broekhuizen, editor da Volkskrant TV, disse que a produção de notícias em vídeo ao vivo é muito cara para os sites de jornais e não produz o efeito da cauda longa. Para ele, o vídeo online de jornais não deveria tentar competir com emissoras de televisão.

A informação é do dotJournalism. Em inglês, aqui. JW.

Mario CavalcantiLive streaming seria o futuro dos vídeos em jornais