Mario Cavalcanti
por — 03/12/2007 em Notícias

Para entender a TV digital brasileira

Mario Lima Cavalcanti seleciona três fontes para quem deseja acompanhar a nova tecnologia

Por Mario Lima Cavalcanti (*)

Divulgação: conversores (ou set top boxes) utilizados para converter o sinal analógico em digital. Para usuários que não possuem aparelho de televisão compatível com o novo padrão.As primeiras transmissões do sistema de televisão digital brasileiro aconteceram neste domingo, 2, em São Paulo (mais exatamente na região metropolitana do estado). O sinal deve chegar ao Rio de Janeiro entre abril e maio de 2008, e só posteriormente chegará às outras regiões do Brasil. Entre as funcionalidades da TV digital, estão a interatividade e uma qualidade audiovisual impecável (sem os famosos chuviscos ou fantasmas).

O assunto, uma das pautas mais importantes dos veículos nos últimos dias, gera curiosidade e expectativa. Pensando nisso, JW relacionou três fontes distintas (uma oficial, uma de mídia tradicional e uma colaborativa) que trazem explicações didáticas e técnicas para o público.

O site oficial do Sistema Brasileiro de TV Digital (SBTVD), pertencente ao Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD), reúne informações oficiais didáticas e técnicas sobre o novo sinal. Notícias, eventos, histórico do padrão e outros documentos estão entre os conteúdos disponibilizados pelo órgão. É também uma boa fonte para veículos que queiram abordar o novo padrão.

Divulgação: uma televisão de alta resolução do tipo Full HD tem capacidade para exibir todo o poder de fogo do sistema brasileiro de televisão digital, mas ainda é muito cara.A Folha Online montou um especial que reúne notícias sobre o sistema brasileiro de televisão digital e que explica como funciona e o que muda para o telespectador, apresentando ainda recursos de interatividade. O especial aparece dentro da editoria de economia do jornal e, assim como outros diários brasileiros de grande porte (também vi os especiais dos jornais Estadão e O Globo), fez uso de imagens (fotos e ilustrações) para mostrar diferenças entre os aparelhos de televisão disponíveis no mercado.

Por fim, a enciclopédia colaborativa Wikipedia apresenta uma boa explicação didática sobre a TV digital no Brasil e reúne ótimas ligações externas, incluindo o site oficial promocional da TV digital brasileira (não confundir com o site oficial do sistema utilizado, citado anteriormente). Também uma excelente fonte de informação para veículos e pesquisadores que queiram abordar o assunto.

*Mario Lima Cavalcanti é diretor executivo do JW.

Mario CavalcantiPara entender a TV digital brasileira